A importância de fotografar seus trabalhos de Scrapbooking

foto_1[1]

A importância de fotografar seus trabalhos de Scrapbooking

Sempre gostei muito de fotografia. Está em meu sangue, em meu DNA. Depois que adquiri a minha própria câmera, fotografar tudo passou a ser um hábito em minha vida. Fotografo minhas roupas, meus objetos pessoais, a forma como eu os organizo, a disposição dos móveis, a minha casa por inteiro. Pessoas que eu amo, lugares e os eventos importantes nem se fala! Claro, não poderia ser diferente também com as minhas produções.

Ao fotografar tudo, também passei a organizar e a catalogar minhas fotos em arquivos digitais. Ficou ótimo! E isto facilitou muito meu processo de crescimento. Deu-me possibilidade de ver como eu fazia antigamente e como eu faço agora. Ver a minha evolução é algo muito estimulante!

Ter tudo registrado já me ajudou em diversas situações. Certa vez, percebi que estava faltando uma peça de decoração em meu cantinho árabe. Como havia muitas coisas (era um tanto de objetos em miniatura da cultura que eu tanto gostava), eu apenas dei pela falta em função da quantidade, mas não sabia o que exatamente estava faltando. Claro, fui correndo olhar em meus arquivos e pude ver qual peça não estava em seu devido lugar. Como já fiz diversas mudanças em minha vida, gosto de olhar as fotos mais antigas para ver como ficavam meus móveis em determinado lugar onde morei, de uma determinada ápoca.

Sou tão obstinada nesse hábito que, certamente, após o mundo passar pela infelicidade de perder essa pessoa extraordinária que vos fala (deixei a modéstia no cestinho de fitas!), meus biógrafos nem terão tanto trabalho para montar meu memorial. Tudo sobre mim vai estar reunido num mundo de fotos meticulosamente organizadas… Hehehe!

Outra razão pela qual fotografo é que a maior parte dos meus trabalhos, por exemplo, foi doada ou vendida. Não os tenho mais comigo. Logo, tê-los em fotografia é muito bom, porque é como se eu fizesse um banco de dados de tudo o que já produzi, de como era meu estilo, em que mudei, o que melhorei, o que mantive, que materiais eu usava na ocasião. Tudo isso hoje me serve de consulta. Sem falar que, muitas vezes, eu mesma me inspiro em minhas antigas produções.

Vale a pena fotografar tudo o que você produzir. Para tal, tenha um bom equipamento. Escolha sempre a luz do dia. Tenha um espaço apropriado (pode ser uma pequena mesa, desde que esteja organizada). Use fundos contrastantes (por exemplo, se o LO for escuro, use fundo branco e vice-versa) com a cor da sua página. Se sentir necessidade, faça edições, mas deixe sua foto o mais nítida e bem feita possível para que não se percam os detalhes do seu trabalho. E repita a sessão de fotos a cada vez que acabar uma produção (seja uma página, um cartão ou um álbum inteiro). Depois, organize suas fotos por data, por tipo de trabalho. E faça sempre back up de seus arquivos. Afinal, perder toda uma vida de trabalho imortalizada nas fotografias para mim é a morte. Meu cérebro surta só de imaginar tal tragédia!

Depois que você se habituar a ter tudo fotografado, verá o quanto foi importante registrar cada detalhe. É um vício apaixonante! EXPERIMENTE-O!

FOTOGRAFIA7

by Iva

Animation17_Barrinha_Flores2

Envie seu comentário